Eleições 2020. Tudo o que você precisa saber para votar com segurança nesse domingo.

Eleições 2020. Tudo o que você precisa saber para votar com segurança nesse domingo.

Eleições 2020. Nesse domingo, 15 de novembro, além de comemorarmos a proclamação da república, também será um dia muito importante em nosso estado. Acontecem as Eleições no pleito municipal para prefeito e vereadores na cidade de São Paulo.

Assim como todos os eventos com grande número de pessoas nessa pandemia, as votações esse ano também contará com uma série de procedimentos de distanciamento e higienização para que a segurança seja preservada.

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) divulgou medidas que devem ser tomadas no dia da eleição.

Veja a baixo como procederá a organização quanto a organização, higienização e distanciamento.

Eleições 2020: medidas preventivas contra o Coronavírus.

Antes de votar

– Confira seu local de votação. Caso não tenha essas informações, acesso o site do TSE.

– Leve sua máscara. Ela é de uso obrigatório em todas as sessões eleitorais. Quem não estiver protegido não conseguirá votar.

– Leve sua caneta pessoal. Todo cuidado é necessário, quanto contato com objetos, mais seguro será.

– Anote os números dos seus candidatos.

– Se for de transporte público, evite pegar aqueles que estiverem mais cheios;

– Mantenha a distância mínima de um metro das outras pessoas e se possível deixe as crianças em casa.

Eleições 2020

Durante a votação

– Não leve bebidas, alimentos ou qualquer coisa que force você tirar a máscara;

– Se tossir ou espirrar use a parte interna do cotovelo ou um lenço.

– Geralmente na sessão eleitoral encontramos amigos e familiares, nesses casos, evite o máximo possível comprimentos como beijos e abraços.

– É expressamente proibido o uso de celular dentro da urna eleitoral, sendo considerado inclusive crime eleitoral.

– Use o álcool em gel nas mãos (será disponibilizado em todas as sessões eleitorais) antes e depois de votar.

Lembrando que todas essas medidas são para nossa própria segurança.

Dos eleitores de São Paulo, 30% são do grupo de risco, sendo assim, precisamos fazer todo o possível para votarmos da forma mais segura possível.

Juntos somos mais fortes.

Sem comentários

Publicar um comentário